SIGA-NOS:

Notícias



Última audiência da LOA tem Obras, Daae e Cultura

Secretarias e autarquia apresentaram suas previsões para o ano de 2020


A última Audiência Pública para discussão da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2020 ocorreu na sexta-feira (18), no Plenário da Câmara Municipal, com as explanações da Secretaria de Obras e Serviços, da Secretaria Municipal de Cultura, da Fundação de Arte e Cultura de Araraquara (Fundart) e do Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae). A Audiência foi conduzida pelo presidente da Comissão de Justiça, Legislação e Redação, vereador Paulo Landim (PT).

As exposições da tarde foram abertas pela secretária municipal de Obras e Serviços, Anna Padilha, que apresentou, para o próximo ano, a previsão de R$ 78.230.304,60. Os recursos destinam-se às duas coordenadorias executivas abrangidas pela pasta: a de Obras Públicas e a de Serviços Públicos. A primeira cuida de construção, manutenção, ampliação e conservação do sistema viário; drenagem urbana; expansão, melhorias e manutenção em edifícios públicos; gestão de obras públicas; e produção de artefatos em concreto. A segunda engloba gestão de serviços urbanos, serviços funerários, iluminação pública, limpeza urbana, manutenção de áreas verdes, fiscalização de posturas e serviços topográficos.

O superintendente e o gerente de Finanças do Daae, respectivamente, Donizete Simioni e Ronaldo Venturi, apresentaram o valor de R$ 148,9 milhões para atender às despesas dos sete programas da autarquia: Desenvolvimento Administrativo, Desenvolvimento Operacional, Gestão Estratégica do Sistema de Água, Gestão Estratégica do Sistema de Esgotos, Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, Cidade Sustentável e Encargos Especiais. Durante a sessão de perguntas, Simioni adiantou que, a partir de 2020, o Daae será responsável pela totalidade da gestão de resíduos sólidos, inclusive provenientes da construção civil, em um esforço para eliminar o descarte irregular.

O setor de Cultura encerrou a Audiência, com a explanação da secretária da pasta e presidente da Fundart, Teresa Cristina Telarolli. Para a Fundart, que deve passar por uma reestruturação no próximo ano, o custo estimado total é de R$ 2,1 milhões, destinados a ações de difusão, participação e efetivação de direitos sociais por meio da cultura e preservação do patrimônio histórico e cultural, além de gestão e acesso à cultura.

Já a Secretaria de Cultura estima em R$ 8.024.467,50 as despesas para as três unidades da pasta: Coordenadoria Executiva de Cultura, Coordenadoria Executiva de Acervos e Patrimônio Histórico e Fundo Municipal da Cultura. Os recursos destinam-se a iniciativas como o Programa Oficinas Culturais, ao projeto EcoNatal (de decoração natalina com foco ecológico, social e de qualificação profissional), reformas e adequação do Teatro Municipal, implantação de espaços culturais sustentáveis, manutenção de atividades, ressocialização de mulheres e homens do sistema presidiário, publicação de atos oficiais, reforma e adequação dos museus, Arquivo Histórico, bibliotecas municipais, estação ferroviária de Bueno de Andrada, entre outros. Um destaque é o projeto de reforma da Casa da Cultura, para a qual será reservado o valor de R$ 1,5 milhão.

A íntegra da Audiência Pública pode ser acessada aqui

 

Confira as fotos aqui


Visualize fotos
Visualize fotos
Visualize fotos
Visualize fotos

Publicado em: 18 de outubro de 2019

Publicado por: Imprensa

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Categoria: Notícias da Câmara

Outras Notícias

Fique por dentro

Sancionada lei que valoriza a profissão do médico veterinário

14 de novembro de 2019

Em ato solene realizado na sala de reuniões da Prefeitura na quarta-feira (13), o prefeito Edinho Silva (PT) sancionou a lei de autoria do vereador Jéferson Yashuda (PSDB), aprovada por unanimidade...



Concluída retirada de aguapés na represa do Córrego do Lajeado

14 de novembro de 2019

O vereador Jéferson Yashuda (PSDB) esteve, na quarta-feira (13), no local em que foi concluído o serviço de retirada de aguapés da represa do Córrego do Lajeado, localizado no Parque das Laranjeira...



Solenidade celebra 18 anos da Cooperativa Acácia

14 de novembro de 2019

Na tarde de terça-feira (12), o vereador Roger Mendes (Progressistas) participou de um evento histórico para a cidade de Araraquara: os 18 anos de criação da Cooperativa Acácia de Catadores, Coleta...



Problemas da confluência da SP-255 com diversas vias do município seguem sem solução

14 de novembro de 2019

Desde o início do mandato, em 2017, o vereador Rafael de Angeli (PSDB) tem trabalhado em busca de uma solução para o trânsito em dois trechos da SP-255 (Antônio Machado Sant’Anna). Na tarde de segu...



Quatro academias ao ar livre serão instaladas em Araraquara

14 de novembro de 2019

Foi atendido o pedido do vereador Jéferson Yashuda (PSDB) ao deputado federal Vanderlei Macris (PSDB) para a destinação de emenda parlamentar de R$ 150 mil voltada à instalação de quatro academias...



Ônibus escolar transporta crianças sem monitor

14 de novembro de 2019

Gritaria, brigas, tapas e chineladas. Este é o cenário descrito por uma mãe ao vereador Rafael de Angeli (PSDB) ao se referir ao ônibus que transporta seu filho do contraturno escolar na Associação...